Vista panorâmica da cidade de Québec

terça-feira, 15 de março de 2011

Preparando-se para a entrevista


Ainda não enviamos os documentos mas já estamos nos preparando para a entrevista. Motivos que nos leva a escolher o Canadá, quais as possíveis perguntas, como se comportar diante do entrevistador, que roupa usar, etc, etc, etc...
São muitas questões que passam pelas nossas cabeças, portanto temos buscado informações em blogs e sites da vida e encontramos alguns que desejo compartilhar.




Dicas para a entrevista

1. Nunca coloque no formulário que você possui fluência em francês ou inglês se você realmente não possui. 
A confiança na palavra das pessoas para eles é algo muito sério, e o que pode ser considerado uma mentirinha para nós, pode ser uma grave ofensa a eles. Procure estudar antes da entrevista, fique calmo e correrá tudo bem, afinal não tem ninguém querendo barrar imigrantes. Se você não possui um francês muito bom, tente compensar com o inglês, com outros cursos, faça filhos, sei lá... só não minta.

2. Não é bom ficar falando mal do Brasil, dos políticos, do povo, que adora o frio. O frio é insuportável, então não cola, até porque depois do primeiro mês de inverno todos ficarão putos com a quantidade de neve em suas portas. Dizer que adora o frio como única ou a principal justificativa é complicado. Falar mal do Brasil é não aceitar os problemas, e lá também tem de montão. A diferença é que existem pessoas dispostas a resolvê-los. Políticos idem. O governo federal canadense está num mato sem cachorro por estar envolvido num baita escândalo de desvio de milhões. C'est la vie.

3. Mostrar que conhece um pouco da província é muito bom. Mostrar interesse pelos hábitos deles, um pouco sobre as cidades e deixar claro que deseja realmente fixar residência em Québec, pois a província é uma das que mais perdem imigrantes, comparativamente às outras. Mesmo que nunca tenha ido à Québec, dizer que conhece por fotos e ressaltar a beleza de alguns pontos turísticos é interessante, caso haja oportunidade.

4. Mostrar um projeto de vida para o seu novo lar. Falar que sabe das dificuldades, mas que deseja exercer sua profissão é muito bom. Afirmar que pretende voltar a uma universidade é interessante, mas deixe bem claro que primeiro pretende cuidar de coisas básicas, como moradia, carro (pois é algo que qualquer um pode ter), para depois correr atrás da equivalência (exigível no caso de algumas profissões).

5. Se você for com um companheiro(a) como dependente é interessante que ele(a) vá à entrevista, mesmo que ele(a) não domine ainda o francês. Na hora H vale também que o cônjuge tente responder a algumas questões. Apesar da entrevista focalizar o aplicante principal, quando o dependente não responde a nenhuma pergunta, o entrevistador dedica parte da entrevista somente a este(a) para que ele(a) tenha a "oportunidade" de falar.

6. Para quem tem filhos também é interessante leva-los, pois mostra o comprometimento da família com o novo projeto de vida.

7. Afirmar que prefere as cidades menores também ajuda muito. De preferência afirme que, apesar de escolher Montreal inicialmente, pretende se fixar posteriormente numa cidade menor, em busca de um maior contato com a natureza, menos agitação, qualidade de vida, essas coisas. Só não vale escolher alguma cidade muito próxima das fronteiras da província. Hehehe

8. Mostrar entusiasmo, nada de dúvidas. Esclarecer que mantém contatos com brasileiros que já foram e estão se dando bem. Falar dos planos para quando chegar lá. Melhorar a proficiência no francês.

9. Manter uma certa distancia no tratamento. Mesmo sendo os entrevistadores super gente boa, sempre. "Madame", "Monsier" e "vous" para vocês. A não ser que eles permitam uma conversa menos formal. É um pequeno detalhe para nós, mas é interessante ressaltar. Todos com quem conversei dizem que a conversa é bem interessante e que eles deixam os entrevistados bem a vontade, mas não é bom exagerar.

10. Evitar ficar muito ansioso no momento da entrevista. Se você fez os pontos necessários não há o que temer. Obviamente que uma certa insegurança é normal e os entrevistadores sabem disso, afinal, não toda hora que as pessoas decidem migrar para um novo país. Procure manter a calma e evite dizer que está inseguro, pois, como já disse, não há motivos se toda a documentação estiver ok.

Fonte: http://idealdicas.com/dica/?gratis=dicas-para-um-boa-entrevista


Algumas ressalvas:

"Quanto ao item 6! Jamais leve crianças! No email de convocação para a entrevista eles falam para não levar os filhos em hipótese alguma. Também fui em uma palestra e o Giles, do BIQ frisou bem esse ponto. Disse que as crianças não deveriam ir nem na palestra pq cansam e não ficam quietas e acabam atrapalhando os pais e principalmente na entrevista.

Outra coisa, que aconteceu não só comigo, mas com vários casais que conversamos, é que a entrevista não foi focada no requerente principal! Os dois devem falar e as únicas perguntas que são direcionadas são as perguntas sobre o mercado de trabalho, portanto para as demais perguntas é melhor falar quem estiver melhor lá na hora e o outro pode ir complementando as respostas, fazendo com que a entrevista se torne algo natural, um bate papo formal! Não precisa ser necessariamente o requerente principal!

E por ultimo, é importantíssimo saber tudo e mais um pouco sobre o mercado de trabalho para a sua área lá! Este é o principal foco da entrevista. As demais perguntas são mais para ver como está o seu francês mesmo. E evite falar sobre voltar a estudar, a não ser que seja para validar o diploma, pois eles deixam bem claro que querem profissionais prontos para o mercado! "




10 bons motivos para sair do Brasil.

1. Corrupção;
2. Desigualdede Social;
3. Banalização do crime;
4. Impunidade;
5. Insegurança;
6. Transito caótico;
7. Sujeira;
8. Falta de respeito e educação;
9. Flanelinha;
10. Música brega (opinião do autor)



137 Possíveis perguntas durante a entrevista


1. Parlez-moi des tâches que vous faites dans votre profession
2. Que savez vous au sujet du marché de travail quebecois ?
3. Occupez vous un poste de responsabilité et comment est constituée la hiérarchie dans votre entreprise?
4. Que pensez-vous que le québec va vous apporter de bien ?
5. Que pensez-vous apporter de bien au québec ?
6. Est-ce que vous connaissez le drapeau québecois?
7. Quel était le taux de chômage au Québec
8. Pourquoi vous voulez immigrer au Quebec?
9. Pourquoi avoir choisi le Québec pour immigration et non ailleurs?
10. Que connaissez vous sur Québec
11. Vous connaissez quelques chanteurs québécois ?
12. Que comptez vous faire comme boulot une fois au Québec ?
13. En quoi consiste votre tache ? Racontez moi une de vos journées entière de travail
14. Que savez vous sur le Québec ?
15. A votre avis qu’est ce qui va vous posez problème au Québec ?
16. Parlez moi un peu de ce que vous avez appris lors de votre formation ?
17. Pourquoi avoir choisis cette disipline?
18. Avez vous obtenu ce diplome par le ministere de l'interieur ou par une ecole privé ?
19. Pourquoi vous pensez que le mode de vie des québecois vous convienderait-il?
20. Avez vous des amis au Quebec ? pouvez vous le prouver ?
21. Pourquoi vous voulez immigrer pour tout reprendre à zéro?
22. Savez vous qu’il fait tres froid au quebec en hivers ? avez vous peur du froid ?
23. Vous êtes prêt à aller même dans le nord dans le cadre de votre travail?
24. Avez-vous besoin d’un interprète?
25. Qui est un requérant principal?
26. Est-ce que c’est pour la première fois que vous faîtes une demande d’immigration au Canada?
27. Quel est votre nom?
28. Votre prénom?
29. Épelez, s’il vous plait?
30. Avez-vous changés votre nom ou prénom après avoir rempli ce formulaire?
31. Quand êtes-vous nés?
32. Quelle est votre date de naissance?
33. Où êtes-vous nés?
34. Votre lieu de naissance?
35. À quel pays êtes-vous nés?
36. Quel est votre pays de naissance?
37. Quelle est votre nationalité?
38. Votre citoyenneté?
39. Vous êtes le citoyen de quel pays?
40. Quel âge avez-vous?
41. Où habitez-vous?
42. Quelle est votre adresse actuelle?
43. Avez-vous déménagé depuis que vous aviez fait votre demande d’immigration?
44. Est-ce que vous avez la même adresse?
45. Quel est votre état civil?
46. Êtes-vous mariés /mariées?
47. Est-ce que votre situation de famille a changé après que vous aviez rempli ce formulaire?
48. Depuis quand êtes-vous mariés/mariées?
49. Quel est le nom (de famille)de votre mari/femme?
50. Est-ce que c’est votre premier mariage?
51. Avez-vous des enfants?
52. Combien d’enfants avez-vous?
53. Leurs noms et prénoms?
54. Quel âge ont vos enfants?
55. Est-ce que vos enfants habitent avec vous?
56. Où travaillez-vous?
57. Dans quel domaine travaillez-vous?
58. Qu’est-ce que vous faites dans la vie?
59. Quel est votre poste de travail?
60. Quel est votre emploi?
61. Avez-vous changé votre emploi après avoir fourni les informations dans ce formulaire?
62. Décrivez vos fonctions professionnelles.
63. Quelles sont vos tâches?
64. Quelles sont les principales responsabilités de votre poste?
65. Parlez-moi de la compagnie où vous êtes employés?
66. Décrivez votre journée de travail.
67. Est-ce que nous pouvons téléphoner à votre compagnie pour avoir plus de renseignements?
68. Combien d’années de scolarité avez-vous?
69. Quand avez-vous complété vos études secondaires?
70. Avez-vous le Diplôme (certificat) d’études secondaires?
71. Où avez-vous obtenu une formation supérieure?
72. Quelle formation avez-vous?
73. Quelle est votre qualification professionnelle?
74. Votre métier?
75. Avez-vous l’expérience de travail en votre spécialité?
76. Parlez-moi de vos antécédents professionnels.
77. Parlez-moi de vous.
78. Est-ce que vous possédez d’autres diplômes ou certificat?
79. Parlez-vous anglais?
80. Quelles autres langues parlez-vous?
81. Quelles langues connaissez-vous?
82. Où avez-vous appris le français?
83. Pendant quelle période étudiiez-vous le français?
84. Savez-vous lire et écrire en français?
85. Pourquoi voulez-vous immigrer au Canada?
86. Pourquoi avez-vous choisi le Québec?
87. Qu’est ce qui vous a attiré vers Québec?
88. Quelle est votre motivation?
89. Décrivez-moi vos raisons à immigrer?
90. Pour quelles raisons voulez- vous quitter votre pays?
91. Que savez-vous du Canada?
92. Savez-vous quelque chose du Québec?
93. Avez-vous connaissance du système politique de Canada?
94. Combien de provinces y a-t-il au Canada?
95. Qui est le Premier ministre du Canada?
96. Parlez –moi d’une situation géographique de Québec.
97. Que pensez-vous du climat au Québec?
98. Avez-vous connaissance de l’histoire du Canada et du Québec?
99. Quand espérez-vous trouver un emploi au Canada?
100. Qu’est-ce qui vous fait croire que vous trouverez un emploi au Québec?
101. Qu’est-ce que vous allez faire au Canada?
102. Que savez-vous du marché du travail au Québec?
103. Qu’est-ce vous allez faire si vous ne trouvez pas un emploi selon votre spécialité?
104. Quels moyens de la recherche d’un emploi connaissez-vous ?
105. Avez-vous des amis au Canada?
106. Qui est inscrit comme votre ami dans ce formulaire?
107. Où avez-vous fait votre connaissance de cette personne?
108. D’où le connaissez-vous?
109. Quand est-il parti au Canada?
110. Depuis quand habite-il au Canada?
111. Est-ce qu’il parle français?
112. Parlez-moi de sa famille.
113. Connaissez-vous son numéro de téléphone?
114. Quel est son numéro de téléphone?
115. Avez-vous des parents au Canada?
116. Est-ce que vous avez déjà visité le Canada?
117. Avez-vous travaillé au Canada?
118. Combien de fois êtes-vous allés au Canada?
119. Quel était le bût de votre visite?
120. Est-ce que vos parents restent en vie?
121. Où habitent vos parents?
122. Est-ce que vos parents résident avec vous?
123. Qu’est-ce qu’ils font?
124. Est-ce qu’ils travaillent?
125. Est-ce qu’ils ont de la propriété?
126. Est-ce qu’ils veulent immigrer aussi?
127. Avez-vous des frères ou des sœurs ?
128. Où résident-ils?
129. Quelles sont ses professions?
130. Est-ce qu’ils ont l’intention de vous joindre?
131. Parlez-moi de vos projets ?
132. Comment envisagez-vous vos premiers jours au Canada?
133. Si vous êtes acceptés, quelles sont vos premières démarches au Québec?
134. Possédez-vous une somme nécessaire?
135. Quelle somme d’argent avez-vous?
136. Combien d’argent prévoyez-vous apporter au Canada?
137. Est-ce que c’est votre signature?

10 comentários:

Filipe Moreira disse...

Definitivamente show o post!

O difícil é realmente manter a calma nessa hora, pois mesmo que o entrevistador esteja ali para te ajudar no fim das contas. Aquela entrevista decide um futuro totalmente diferente, tanto pro sim, quanto pro não.

Obigado pelas dicas!!

Abraços!

Juliana disse...

Oi Dani!

Obrigada pela dica lá no nosso blog! Acabei respondendo por lá mesmo!



É muito importante mesmo que vcs já comecem a se preparar para a entrevista, assim quado chegar a hora, vcs já estarão mais seguros.



Só tenho que fazer algumas ressalvas:



Quanto ao item 6! Jamais leve crianças! No email de convocação para a entrevista eles falam para não levar os filhos em hipótese alguma. Também fui em uma palestra e o Giles, do BIQ frisou bem esse ponto. Disse que as crianças não deveriam ir nem na palestra pq cansam e não ficam quietas e acabam atrapalhando os pais e principalmente na entrevista.



Outra coisa, que aconteceu não só comigo, mas com vários casais que conversamos, é que a entrevista não foi focada no requerente principal! Os dois devem falar e as únicas perguntas que são direcionadas são as perguntas sobre o mercado de trabalho, portanto para as demais perguntas é melhor falar quem estiver melhor lá na hora e o outro pode ir complementando as respostas, fazendo com que a entrevista se torne algo natural, um bate papo formal! Não precisa ser necessariamente o requerente principal!



E por ultimo, é importantíssimo saber tudo e mais um pouco sobre o mercado de trabalho para a sua área lá! Este é o principal foco da entrevista. As demais perguntas são mais para ver como está o seu francês mesmo. E evite falar sobre voltar a estudar, a não ser que seja para validar o diploma, pois eles deixam bem claro que querem profissionais prontos para o mercado!

Enfim é isso e boa sorte mais uma vez que logo chegará o dia de vcs!



Juliana

http://www.projetosupernovaquebec.blogspot.com/

ReciFroid disse...

Parabéns pelo post! Realmente muito útil :)
Boa sorte no processo de vcs!

Abs,
Camilla

vidanovavilleduquebec disse...

Boa tarde, tudo bem? Muito bom seu post e ver que já estão se preparando! Fiz minha entrevista no final do ano passado e deixei meu relato hoje no meu blog!
Sim, o que vc escreveu faz sentido, eu também tentei não falar mal do Brasil, mas quando ela me perguntou o que eu sabia do Quebec para falar em inglês, comecei elogiando o país deles, e tal, mas quando vi, ja estava falando das injustiças no Brasil e do "jeitinho" brasileiro que eu não gosto!
Bem é isto! Boa sorte!
Abraços
Darlene

Beta Takaki disse...

eitaaaaaaaa

ja ta de entrevista marcada???

Menina... eu fui inventar de pesquisar a moda primavera... agora quero comprar a botenha de florzinhaaa! Porque, meu deus?! kkkk.

Beijaoo!

SonhoComCanada disse...

muito bom o post ! adorei =))
boa sorte a vocês no processo.

quando puder faça uma visitinha no http://meetyoutherecanada.blogspot.com/ fiz um post sobre Vancouver.

abraços.

Vitor Daniel disse...

Olá! Primeiramente eu quero parabenizar pelo site que é fantástico. Bom, eu tenho 17 anos e faço curso de polímeros integrado ao ensino médio, que é uma aréa que abrange plásticos, fibras e borrachas. Eu gostaria de saber se o Quebec está precisando de pessoas para trabalhar em industrias de plástico. Uma dúvida a respeito da imigração para o Quebéc: Eu gostaria de saber quanto de dinheiro o governo do Quebec exige basicamente para poder ser aprovado no processo de imigração.

Diário Canadá Brasil disse...

Vitor,

Eu não conheço muito a sua área, mas no Québec tbm tem muitas indústrias que talvez possam te atender.
Quanto a grana para poder imigrar como trabalhador qualificado, vc gastará com o envio dos docs para o consulado, se vc for sozinho 395$ CAD + exames médicos (depende da cidade), sem falar em aulas de francês.

Te aconselho ir a uma das palestras.
Visita este site que tenho certeza que te ajudará a responder tuas dúvidas.

http://www.immigration-quebec.gouv.qc.ca/pt/biq/sao-paulo/informations/avalie-on-line.html

Espero ter ajudado.

Vitor Daniel disse...

Eu entrei nesse site e passei no teste online. Bom, eu gostaria de saber quanto que o governo exige ao minimo de dinheiro para levar para o Quebec a fim de nos sustentarmos nos 3 primeiros meses, para não ter que pedir auxilio ao governo.

Diário Canadá Brasil disse...

Olha Vitor,

Em um dos formulários que você preencherá chamado de “autonomia financeira”, é exigido que você tenha uma valor mínimo ao entrar no Canadá, contudo ninguém vai verificar pra comprovar se você está mentindo, apenas acreditarão em você.

O valor mínimo é de 2.748 $CAN, maaaaaaas este valor é válido somente até 31 de dezembro de 2010, ou seja o valor mudou mas ninguém informou, porém não acredito que passará de 3.000 $CAN, com certeza, porque eles aumentaram os demais valores para requerente principal e cônjuge e foi muito pouco.
Dá uma olhada neste link: http://diariocanadabrasil.blogspot.com/2010/12/reajuste-nas-tarifas-do-processo-para.html

Espero ter respondido.

Postar um comentário

Alguns comentários serão respondidos por e-mail.


Linda Québec! E o Hotel Château Frontenac