Vista panorâmica da cidade de Québec

domingo, 1 de março de 2015

HSBC: Processo de abertura de conta no Canadá

Olá, Diário,

Já faz um tempo que prometi que escreveria sobre o processo de abertura da nossa conta bancária no Canadá. Esperei que o processo concluísse para contar em um só post todos os detalhes, portanto, se você tiver o interesse de saber como foi o nosso processo de abertura de conta no HSBC Canadá, aviso que este post foi um dos maiores que já escrevi, por isso senta que lá vem a história...




Em primeiro lugar, escolhemos o banco HSBC porque o meu marido possui conta aqui no Brasil desde 1996, e entendemos que quase 20 anos de histórico bancário nos ajudaria na abertura de conta.

Em Setembro de 2014, marcamos o primeiro encontro com a gerente Premier do HSBC para tirarmos nossas dúvidas a respeito da abertura de conta no Canadá, e a conversa rendeu uma tarde inteira.

Muito simpática e informada, a gerente nos aconselhou a ter uma conta conjunta no Brasil, pois a conta canadense seria um "espelho" da conta brasileira, e achamos vantajoso que também tivéssemos uma conta conjunta no Canadá, mas neste dia não estávamos com todos os documentos necessários, então remarcamos o encontro.  

No segundo encontro demos entrada no processo de inclusão do segundo titular para transformar a conta em conjunta e preenchemos vários papéis, cadastros, assinamos, solicitamos o meu cartão de débito, senhas e tudo ocorreu rapidamente.

Em cinco dias se concretizou o processo da conta conjunta e ficamos felizes, já que lemos vários relatos sobre problemas com outras pessoas que tentaram o mesmo.

A gerente nos informou que em até dez dias o meu cartão de débito chegaria em nossa casa, então esperamos pacientemente. Passaram-se dez dias e pensamos que o cartão havia extraviado, no entanto o cartão havia chegado na agência e só ficamos sabendo porque ligamos para termos notícias.

Ao chegarmos na agência, pegamos o meu cartão de débito, testamos minhas senhas e solicitamos por telefone o meu token físico, que por sua vez chegaria na agência em até 21 dias. Após esse prazo, ligamos para a agência e o token já havia chegado, então marcamos um terceiro encontro para ativá-lo, o que foi bem simples e rápido. Lá mesmo testamos minha senha e ficou tudo certo.

Novo token físico HSBC
No quarto encontro, já com a conta conjunta ativa,  entramos oficialmente com o pedido de abertura de conta junto ao IBC Brasil (International Banking Center), um escritório do HSBC em Curitiba. Mais uma vez preenchemos e assinamos alguns papeis e a gerente nos falou que aguardássemos por e-mail o contato do IBC,  já que é esta que intermedia com o HSBC no Canadá. 

Quatro dias depois, recebemos um telefonema e um e-mail com um formulário para preenchermos, imprimirmos e levarmos assinado na agência que, por sua vez, enviaria por malote à Curitiba.

O prazo para preenchimento e envio era de no máximo vinte dias, e meu marido não conseguiu se dedicar inteiramente ao preenchimento do formulário, este era todo em inglês, com várias expressões e jargões bancárias específicas, com quarenta e seis páginas em formato PDF e que de vez em quando fechava sem que ele pudesse salvar o documento.

Mesmo diante das dificuldades, conseguiu concluir um pouco antes dos vinte dias e corremos para a agência afim de que fosse enviado rapidamente ao IBC em Curitiba, pois sabíamos que o malote saia no mesmo dia e levaria no máximo quatro dias para chegar. 

O preenchimento do formulário em si é um post à parte, e não gostaria de me prender em ensinar como preencher o formulário, mas a dica é; tem dúvidas ligue para o IBC, meu marido teve que fazer várias ligações interurbanas pra ter certeza que estava tudo preenchido corretamente.

Depois de termos deixado na agência os formulários já preenchidos, aguardamos um contato direto do IBC sobre a avaliação do nosso dossiê, logo o IBC nos respondeu por e-mail que o nosso processo de abertura foi cancelado porque o prazo de envio havia expirado, mesmo assim a gerente enviou os nossos formulários com um pedido de prioridade e o não encerramento de conta, então o IBC emitiu um novo número de protocolo para só então analisarem o nosso dossiê.

Alguns dias depois recebemos um e-mail diretamente do IBC, nos informando que aqueles formulários estavam desatualizados e nós deveríamos preenchê-los novamente, desta vez numa outra versão mais atualizada. Oi?! Mas já estamos em dezembro!!!

E mais uma vez, meu marido  preencheu o formulário agora numa nova versão, que estava pré-preenchido pelo IBC, contendo algumas das nossas informações do antigo formulário, mas havia alguns erros de digitação e informações equivocadas, sendo necessário um cuidado  redobrado para não enviarmos um formulário errado. Este novo formulário tinha cinquenta e quatro folhas para preencher, revisar e assinar. Com ele requeremos tanto a abertura de conta corrente quanto o cartão de crédito.

Não conhecemos ninguém que tenha obtido o cartão de crédito estando ainda no Brasil, e de fato o formulário pede um endereço canadense para o envio do cartão. Arriscamos preenchendo com o endereço de um amigo que já mora no Canadá, sabendo que no máximo ouviríamos um não.

Voltamos ao banco pela quinta vez com o novo formulário, desta vez atualizado. Revisamos tudo com a nossa gerente que por sua vez o enviou ao IBC pedindo mais uma vez prioridade.

Quatro dias depois, o IBC nos enviou um e-mail dizendo que nossa documentação estava em fase de validação ainda no Brasil e só depois eles enviariam para uma segunda análise no Canadá.

Dez dias depois, recebemos um e-mail e desta vez do HSBC no Canadá, dizendo que nossa conta foi aberta com sucesso e que dentro de dez dias úteis receberíamos nosso pacote de boas vindas.

E o que contém este pacote de boas vindas?

Em primeiro lugar, você receberá manuais de instruções, cartão de débito e talões de cheques. Uma segunda correspondência virá num dia diferente com senhas do seu cartão. Mas no nosso caso, foi um pouco diferente.


A primeira correspondência chegou no endereço canadense que informamos no fomulário e ficamos surpresos ao saber que eram os cartões de crédito! Sim, nós recebemos cartões de crédito e ficamos felizes em saber que logo ao chegarmos  poderemos construir nosso histórico de crédito.


Primeiras correspondências com cartões de crédito e senhas

Mesmo assim ficamos preocupados porque não havíamos recebido a carta tradicional de boas vindas no Brasil, e pensamos que poderia ter sido extraviado ou simplesmente que tudo chegaria no endereço do Canadá, mas três dias após, o pacote de boas vindas chegou ao Brasil.

Pelo visto, nosso histórico de crédito no Brasil fez toda a diferença para obtenção do cartão de crédito canadense, o que é uma benção, pois poderemos construir nosso histórico de crédito assim que chegarmos no Canadá.

Tirei algumas fotos do conteúdo dos envelopes para vocês terem ideia.




Achamos o talão de cheques bem diferente do nosso brasileiro. 
É bem menor e mais simples em seu layout





Por fim, escolhemos uma agência bem central em Montreal perto da estação McGill e já até recebemos um e-mail da nossa gerente lá no Canadá, nos dando as boas vindas e se disponibilizando para o encontro de recepção na agência.

Vista em Google Street View do HSBC McGill


A minha opinião pessoal? Acho que valeu a pena?

Foram quase cinco meses para a finalização do processo de abertura de nossa conta no Canadá, desde a conta conjunta até a chegada de nossos dossiês no Canadá e finalmente a efetivação da abertura de conta. Tivemos alguns contratempos e algumas barreiras burocráticas como tudo no Brasil, mas sinceramente, não nos arrependemos e acho que valerá a pena. A grande surpresa foi ganharmos um cartão de crédito estando ainda no Brasil.

Não somos clientes Premier, somos Advance, mas o processo foi conduzido pela gerente premier, ou seja o cliente Advance também pode abrir conta no Canadá.

Continuaremos com o HSBC no Canadá? 

Sim, desejamos continuar com o HSBC, pois entendemos ser a forma mais prática e barata de transferirmos nosso dinheiro para o Brasil e vice-versa, além disso é um banco presente em quase todos os países no mundo, mas isso não anula a idéia de também abrirmos uma conta num banco canadense, mas isso pensaremos mais a frente, acredito que por hora estamos satisfeitos e esperamos que o nosso relacionamento com o HSBC no Canadá também seja satisfatória.

Lugares em que o HSBC está no Canadá


O próximo post será escrito de terras canadenses, pois viajaremos neste segunda feira.
Obrigada a todos pela torcida e orações, em breve contarei pra vocês nossas primeiras impressões e um pouco sobre a viagem.

E finalmente podemos dizer Au Revoir Brésil!!!!!!

11 comentários:

Canadá Self Employed disse...

E nenhum processo de abertura de conta canadense HSBC virá sem as grandes emoções de uma novela. O enredo pode até variar, mas cada um terá sua novela. Está escrito na pedra filosofal... rssss
Nossa novela foi tão repleta de emoções, graças à incompetência dos funcionários do HSBC Brasileiro, que até tratei de redigir este MANUAL DO HSBC PARA IMIGRANTES BRASILEIROS NO CANADÁ... ele está em http://issuu.com/canadaself/docs/manual_do_hsbc?e=14792916/10554843#_=_
Que bom que vocês já têm cartão de crédito! Eu fui informado de que teria de cumprir pelo menos 6 meses de cartão de crédito brasileiro para solicitar o canadense. Isso vai coincidir com nossa chegada, então pedirei assim que pisar em Ottawa.
No mais... BON VOYAGE!!! ET UNE JOYEUSE VIE AU CANADA!!!! Nous nous rencontrons a bientôt! Salut! Alex, du blog Canada Self-Employed!

Doug Ramsey disse...

Boa viagem, gente!!! Que a nova vida comece com o pé direito!

Grande abraço!

Márcio Nascimento disse...

Sem entrar no mérito sobre qual banco escolher, quero apenas registrar algumas informações:
1. O Desjardins permite a abertura de conta pela intenet (muito prático para transferir seu dinheiro via SWIFT, foi isso q eu fiz);
2. O Desjardins, atualmente, já oferece cartão de crédito para recém chegados e 1 ano de isenção de taxas (quando eu cheguei, em 2012, ele não dava direito nem a cartão de crédito, nem isenção de taxa);
3. Bancos como Scotia, RBC e outros, tb oferecem cartões de crédito e isenção para recém chegados (em 2012, quando cheguei, abri uma outra conta no Scotia, e sem nem depositar dinheiro eu já tinha direito a cartão de crédito!).
Sucesso!

Sandro (Os Patos...) disse...

Legal que você conseguiram vender a burocracia do HSBC. Mas atenção para dois fatos importantes sobre o seu cartão de crédito e o histórico de crédito:

1. Aconteceu comigo do cartão HSBC não aparecer no histórico de crédito. Isso porque vocês já tem cartão sem ter NAS. Após tirar o NAS já na agência do HSBC e atualize o cadastro do cartão pedindo para incluir o NAS e incluir o cartão no bureau de crédito.

2. O histórico de crédito só é creditado para o titular do cartão, mesmo sendo conta conjunta apenas o titular está construindo histórico. Assim que puderem façam um outro cartão com o outro cônjuge como titular.

Espere que isso ajude!

Diário Canadá Brasil disse...

Ótima a sua contribuição Márcio,

Eu acho que para quem não possui conta no HSBC no Brasil e deseja praticidade na transferência de dinheiro p o Canadá, o mais simples é mesmo o desjardins.
Ainda desejo abrir conta no Scotia, mas quero deixar passar um tempinho para isso.
Valeu suas dicas!

Diário Canadá Brasil disse...

Puxa Sandro,
Que ótima informação, faz mesmo sentido incluir o NAS no cadastro do HSBC aqui, não sabia disso, mas realmente é necessário o NAS p criar crédito.

Quanto ao histórico do titular nós já sabíamos e desejamos sim adquirir um outro cartão no qual eu seja a titular.

Muuuuuito obg pelas infos, nos servirá mesmo, segunda já correremos no banco.
Merci.

Anônimo disse...

Olá!
Além do HSBC há algum outro banco brasileiro que se possa fazer o mesmo?
abs e obrigada

Diário Canadá Brasil disse...

anônimo, q eu saiba, só conheço o banco HSBC, mas existe outras maneiras p transferir dinheiro do Brasil p Canadá tbm.

jose neilton Oliveira disse...

eu queria a ber um conta correte no ahsc e mail,vestirvest@gmail.com

jose neilton Oliveira disse...

a bertura de conta correte

Veronica Caldas disse...

Bom dia ,
Como estao vcs?!Estava dando uma lida nos post sobre as contas HSBC e me veio a pergunta... Como ficarao essa contas HSBC no Canada ? A minha conta HSBC la no Brasil vai virar Bradesco..... Alguma ideia? Muito obrigada.
Abs
Veronica

Postar um comentário

Alguns comentários serão respondidos por e-mail.


Linda Québec! E o Hotel Château Frontenac