Vista panorâmica da cidade de Québec

segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Tiramos o visto americano em meio a tormenta


Olá amigos do Diário,

Em meio a toda essa confusão do Consulado americano, agendamos a nossa entrevista e pagamos as taxas, foram 736 Reais para duas pessoas.

Aqui em Recife, passamos primeiro por uma triagem no CASV, o Centro de Atendimento ao Solicitante de Vistos, que fica no bairro  do Pina. Lá você entrará numa fila, te pedirão os documentos, coletarão os dados, farão uma biometria (impressões digitais e fotos). Sem perguntas, sem avaliação alguma.

Depois você seguirá para a sede do Consulado Americano, que fica no Bairro da Boa Vista, onde será realizada a entrevista. Ao chegar lá você pegará mais uma fila grande, será revistado, voltará para uma outra fila, e esperará...daí te chamarão para uma "cabine", onde você será entrevistado.
Estas duas visitas são agendadas no site para serem realizadas em dias diferentes.

Ao sermos chamados fomos recebidos por uma moça bem simpática, mas que por conta do reflexo no vidro mal a enxergávamos, além disso faltou energia no local e estávamos sem ar condicionado e o alto-falante da cabine não funcionava, então, conversávamos sempre nos abaixando, falando por uma fresta que ficava na parte inferior do vidro por onde passavam os documentos. Foi no mínimo hilário e praticamente nossa entrevista foi seguida de momentos de risadas e de muitos "Oi?", "Como?", "Pode repetir, por favor?", e talvez por isso, nossa entrevista foi tão rápida, menos de sete minutos.

Foram perguntas básicas e simples, como nome, profissão, estado civil, a escolha do lugar de visita nos Estados Unidos e uma única pergunta 'diferente': se já havíamos viajado para fora do país; respondemos que sim e ela sorriu, pediu para conferir nossas digitais e pronto! "Seus vistos foram aprovados". Oi?! Mas já?!

Ok, deixamos nosso precioso passaporte com nossos vistos canadenses e, ao chegarmos em casa, ouvimos sobre os problemas do Consulado em fornecer os vistos. Aaaaaaaa meus amigos, da Lei de Murph entendemos bem, kkkkkkkkkk. Olhamos um para o outro e ficamos esperando pra ver o que aconteceria.

Cinco dias depois, nos mandaram um e-mail pedindo que agendássemos uma visita para retirada dos passaportes e quase nem acreditamos, porque sabemos que a coisa tá feia por lá e nem prazo de solução eles tem, mas acho que pelo menos os nossos deu tempo de carimbarem, rsrsrs.

Agora já estamos com os nossos passaportes e nossos vistos de imigrantes e o visto americano para turistas com dez anos de múltiplas entradas, yes!

Ah, e o que faremos com este visto???
Talvez o usaremos para a nossa ida ao Canadá, mas o meu desejo mesmo era viajarmos pela Air Canadá. De qualquer modo, achamos importante tê-los para qualquer imprevisto ou promoção super vantajosa, sem falar da possibilidade de um pulinho na terrinha vizinha, porque qual o artista que resiste às galerias e museus de Nova Iorque? Por enquanto, o único lugar nos Estados Unidos que penso em visitar.

Até breve amigos.


9 comentários:

Filipe Moreira disse...

Casal, fiquei com uma dúvida!

Vocês estão com o visto de PR canadense, certo? Este visto dá a vocês entrada livre aos EUA (após chegarem no Canadá), então tecnicamente vocês não precisariam de um visto de turista, exceto se vocês forem fazer conexão nos EUA antes de entrar no Canadá.

Vi que vocês tinham a vontade de ir pela Air Canada, e isso já isentava vocês da necessidade do visto. De toda forma, agora vocês podem optar por ir de Copa, por exemplo, que é mais barato!

Sucesso pra vocês!

Sandro (Os Patos...) disse...

Que bom que conseguiramo visto americano. Agora, não descartem a possibilidade de viajar via EUA, embora passar pela imigração americana apenas para fazer conexão seja um saco, o preço é mais em conta e existem muito mais opções de vôo...

Ucrâmbuco! disse...

Olá! Quanto tempo antes vocês agendaram?

Diário Canadá Brasil disse...

Filipe,
O nosso visto é de imigrante e de entrada única, o RP é outra coisa e não sei se o fato de tê-lo nos daria direto de entrar nos EUA sem outro tipo de visto, mas enfim, a nossa intenção mesmo é de utilizá-lo em caso de conexão nos EUA.
Mas de fato, a nossa vontade é viajarmos pela Air Canadá com certeza, mas os preços não estão nada atraentes, vamos ver né.
Valeu o comentário, vou procurar saber e te conto.

Diário Canadá Brasil disse...

Sandro,
Com certeza essa foi a intenção de tiramos o visto americano, o de utilizarmos numa conexão, apesar de desejarmos a Air Canadá...

Diário Canadá Brasil disse...

Ucrâmbuco,
Nós agendamos antes de toda essa confusão.
Agendamos uma semana antes da data, foi fácil marcarmos.
O medo mesmo só veio dps de darmos entrada e termos feito a entrevista, pq dai deu esse rolo todo e nossos passaportes estavam lá sem previsão de saída, mas graças a Deus saiu rapidinho.

Ucrâmbuco! disse...

Obrigada! que bom que deu tudo certo!

osdoidos disse...

Olá, tudo bem?
Tenho uma dúvida sobre trabalho!
Sou formada em serviço social e gostaria muito de morar no canadá!
Como profissional posso atuar no canadá Quebéc? Tenho que fazer somete um processo seletivo?
Gostaria muito que me ajuda-se sobre está questão! Aguardo sua resposta
obrigada

Carol Zaidi disse...

vou te convidar para conhecer o meu blog...
fiz uma postagem sobre os blogs de imigração e
o seu está na lista dos meus favoritos...

da uma olhada...



http://alorsonva.blogspot.com.br/2014/08/blogslegais.html

Postar um comentário

Alguns comentários serão respondidos por e-mail.


Linda Québec! E o Hotel Château Frontenac